Alocação Tática de Ativos para Empresas de Previdência Complementar via Programação Estocástica Multiestágio – Cadernos de Seguros – Teses | Nº 48

Autor : Thiago Barata Duarte


Alocação Tática de Ativos para Empresas de Previdência Complementar via Programação Estocástica Multiestágio – Cadernos de Seguros – Teses | Nº 48

Uma importante questão que se coloca para entidades abertas de previdência complementar e sociedades seguradoras que operam previdência complementar é a definição de uma gestão dos ativos e passivos (do inglês “ALM – Asset and Liability Management”). Tal assunto se torna mais relevante em um cenário de alta competitividade, margens operacionais decrescentes, garantias mínimas de rentabilidade para um passivo estocástico de longo prazo e um período de queda da rentabilidade dos instrumentos financeiros, sendo estes, muitas vezes, de difícil precificação e pouco previsíveis num mercado volátil como o brasileiro. Diante desse cenário, esta dissertação apresenta uma proposta de ALM baseada em um modelo de programação estocástica multiestágio cujos objetivos são definir dinamicamente a alocação ótima dos ativos, incluindo títulos com pagamentos de cupons, e mensurar o risco de insolvência da companhia para o horizonte de planejamento.